Qual a diferença entre liquidificador e processador: multiprocessador sobre bancada da cozinha

Qual a diferença entre liquidificador e processador? E o mixer? Entenda e escolha o melhor para a sua cozinha

Chegou a hora de equipar a sua cozinha, mas não sabe a diferença entre liquidificador e processador? Está se perguntando se um mixer pode substituir os dois? Será que é preciso ter os três?

Não existe uma resposta definitiva para essas perguntas. Embora liquidificador, processador e mixer tenham funções parecidas, esses aparelhos são, sim, diferentes e, dependendo da frequência e do das receitas que prepara, pode valer a pena investir nos três. Então, para fazer essa escolha, é preciso conhecer as suas necessidades antes de se precipitar e fazer substituições.

Nesse artigo, o Diário de Casa vai te explicar a diferença entre liquidificador, processador e mixer para que você possa ter uma cozinha completa e prática para preparar pratos deliciosos no seu dia a dia.

Diferença entre Liquidificador, processador e mixer: liquidificador Mondial Preto com frutas dentroDiferença entre Liquidificador, processador e mixer: mixer preto fun kitchen
Liquidificador, processador ou mixer? Não importa a sua escolha, você encontra o que precisa no Shoptime!

Para que serve um liquidificador?

Por ser muito versátil, o liquidificador está presente na maior parte das cozinhas. Ele é usado para preparar sucos e vitaminas, sobremesas, como pudim, mas também serve para tornar líquidos caldos e sopas e deixar molhos bem homogêneos, sem pedaços.

O liquidificador também é indicado para o preparo de receitas que levam farinha, como alguns tipos de bolo, tortas e panquecas. Nesses casos, o liquidificador retira o ar da massa, deixando-a mais densa, o que faz toda a diferença nesse tipo de prato.

Se você prepara sucos com muita frequência, o ideal é comprar um liquidificador com filtro, que é um coador que você vai encaixar dentro do copo antes de colocar os ingredientes. Em seguida, você coloca as frutas do lado de dentro do filtro e adiciona a água ou leite. Assim, seu suco já sai do liquidificador pronto para ser servido.

Os liquidificadores também são bons para afinar ingredientes sólidos e secos. Se você tiver aveia em casa, por exemplo, e quiser transformá-la em farinha, você pode fazer isso colocando-a no liquidificador e batendo até ficar na textura desejada.

Há modelos de liquidificador de mais alta e mais baixa potência. Se você vai usá-lo para preparar bebidas, ele não precisa ser tão potente. Agora, se você faz receitas que incluem alimentos sólidos ou mais densos, vale a pena investir num aparelho mais potente.

Uma das diferenças entre liquidificador e processador é que o liquidificador é usado para fazer smothies, como na imagem

Para que serve um processador?

Embora tenham funções em comum, um liquidificador não substitui um processador de alimentos e vice-versa.

Para começar, o liquidificador é mais rápido e puxa os alimentos para o centro. O processador é mais lento, porém mais forte e tem lâminas mais compridas e que jogam os alimentos em direção às laterais do seu recipiente. Por isso, o liquidificador é mais indicado para preparos mais líquidos e o processador para aqueles mais pastosos, como grão de bico e até mesmo carnes.

Além disso, os processadores de alimentos vêm com várias lâminas e acessórios. Com eles, é possível fatiar e ralar alimentos em diferentes espessuras.

Há alguns processadores que possuem lâminas para sovar massas de pães e pizza e também espremedor para fazer sucos de laranja e limão.

multiprocessador preto em cima da mesa

Para que serve um mixer?

Um mixer tem funções parecidas com o liquidificador. Com ele, é possível fazer sucos, vitaminas e milk-shakes, mas em porções pequenas. Portanto, se você só cozinha para uma ou duas pessoas ou prepara lanches rápidos, é interessante ter um mixer na sua cozinha.

Além disso, ele tem a vantagem de poder ser usado diretamente nos recipientes onde os alimentos estão sendo preparados, sem precisar passá-los para o copo, como acontece com o liquidificador. Se você precisa deixar um molho mais homogêneo ou bater uma banana para fazer um doce, você pode fazer isso diretamente no recipiente.

No entanto, apesar de ser um item muito prático, o mixer não substitui um liquidificador. Por ser pensado para uma quantidade menor de alimentos e líquidos, ele é menos potente que um liquidificador e não pode ser usado para preparar massas densas com farinha, por exemplo.

Atualmente, alguns mixers vêm com acessórios que ampliam suas possibilidades de uso. Alguns vêm com um pote e lâminas especiais que os transformam num miniprocessador, adequado para picar temperos, como cebolas e alho. Eles também costumam vir com um fouet, excelente para bater ovos e claras em neve, cremes e massas leves.

Diferença entre liquidificador e processador: mullher fazendo molho pesto com mixer

Multiprocessador: liquidificador e processador de alimentos em um só aparelho

Se chegou à conclusão que tanto o liquidificador quanto o processador são eletroportáteis essenciais na sua cozinha, você não precisa comprar os dois aparelhos separadamente. Existem os multiprocessadores que são a junção do liquidificador com o processador. Basta trocar o copo de um pelo do outro para utilizar cada aparelho.

Eles costumam vêm com os acessórios para as duas funções e costumam sair mais barato do que comprar liquidificador e processador separadamente. Tendo os dois aparelhos em um só, você ganha espaço na sua cozinha.

Liquidificador com bananas e frutas vermelhas no seu copo

Liquidificador, processador ou mixer: qual o melhor?

O Liquidificador é uma boa escolha para quem faz sucos e vitaminas em grandes quantidades, assim como faz molhos, caldos e sopas para a família, mas não costuma fazer alimentos mais pastosos, como homus. Se decidir pelo liquidificador, há opções com copo de plástico e também de vidro. O Diário de Casa explica a diferença aqui.

O processador é interessante para aqueles que cozinham mais e gostam de se aventurar em receitas mais elaboradas. Se você precisa ralar e fatiar vegetais em grande quantidade e com muita frequência, com certeza, esse é um aparelho útil para você. O mesmo é válido se você costuma fazer pastas e purês, se desfia frango e tritura outros tipos de alimento.

O mixer é recomendado para quem mora só, cozinha pouco ou costuma preparar bebidas e molhos em porções menores. Também é útil para quem busca praticidade no preparo de caldos e molhos e não quer sujar muita louça.

E aí, encontrou a resposta que buscava? Agora que você sabe a diferença entre liquidificador e processador e também do mixer, vai ficar muito mais fácil encontrar o que sua cozinha precisa. Escolha seu aparelho preferido no Shoptime!

Leia mais sobre outros assuntos:

Shoptime

Dicas do Shoptime para o seu dia a dia. Tudo para deixar a sua vida mais fácil, confortável e prática. Conheça ainda mais os produtos que você pode ter na sua casa, aprenda novas receitas, confira as novidades tecnológicas e dicas sobre casa, cozinha e beleza. O Diário de Casa conta tudo pra você.

Você pode gostar

Fogão 4 bocas de piso com panelas no fogo

Qual melhor fogão 4 bocas de piso de 2022? Veja 5 opções para comprar

Aprenda a fazer uma receita de quindim infalível

Aprenda uma receita de quindim infalível

Bentô cake

Receitas Shoptime: aprenda a fazer bentô cake com a chef Bianca Ramos

Saiba todos os segredos para fazer uma canjica cremosa

Como fazer uma canjica cremosa: conheça os segredos com a Chef Izabel Álvares