círculo cromático

Círculo cromático: como combinar as cores para decorar a sua casa

Se você está querendo decorar a sua casa e não sabe por onde começar, o círculo cromático pode ser a solução que você estava procurando. Essa ferramenta organiza 12 cores – três primárias, três secundárias e seis terciárias – em um círculo e, com isso, fica mais fácil entender que cores conversam entre si.

A partir dela, surgem diversas possibilidades de combinações diferentes, todas baseadas na teoria das cores, que une estética com conhecimentos mais elaborados sobre os significados de cada tom.

Da cor da parede aos itens menores de decoração, é claro que tudo é uma questão de gosto. Mas, se você busca combinações mais assertivas sem deixar em aberto a possibilidade de se decepcionar ou enjoar do resultado final, o círculo cromático equilibra qualquer ambiente, facilitando, e muito, essa tarefa.

Você pode, por exemplo, selecionar a cor principal – que pode ser a sua favorita – e encontrar os tons secundários usando o círculo cromático. Assim, você garante um toque pessoal enquanto adiciona mais precisão na escolha.

No Diário de Casa, você descobre as principais combinações de cores do círculo cromático para decidir como incorporar essa ferramenta na decoração da sua casa, vem ver!

1. Cores Complementares

Para descobrir as cores complementares no círculo cromático basta olhar para os tons opostos. As tonalidades encontradas serão aquelas que apresentam um contraste maior, o que é traduzido em energia para o ambiente. Por isso, se você busca criar espaços mais vibrantes, animados e descontraídos, as cores complementares são a melhor escolha.

2. Cores Análogas

Agora, se você selecionar uma cor e olhar para as tonalidades vizinhas, vai encontrar as cores análogas. Assim, é possível combinar 3 cores próximas que transmitem o equilíbrio perfeito.

Elas são semelhantes, o que torna a combinação mais fácil. A pouca diferença entre os tons transmite tranquilidade e uniformidade, resultando em um ambiente clássico e sofisticado.

3. Cores Tríades (uso do triângulo)

Outra forma de encontrar combinações é desenhando um triângulo em cima do círculo cromático. Os tons descobertos terão a mesma distância entre si e, apesar de serem mais delicados do que as cores complementares, serão capazes de trazer um destaque maior para o uso da cor no ambiente.

4. Cores Meio-Complementares

As combinações entre cores meio-complementares são encontradas quando, ao invés de se optar pela cor oposta, as suas vizinhas é quem são as escolhidas.

Similar ao efeito das cores tríades, o resultado é mais harmônico e sutil do que quando se utiliza a cor diretamente oposta, ou seja, funciona como uma outra opção menos contrastante para quem não quiser se aventurar tanto na paleta.

5. Cores tetraédricas (uso do retângulo)

Além do triângulo, também é comum utilizar um retângulo para a escolha das cores dentro do círculo cromático. Adicionar quatro cores na decoração é mais complexo, mas os resultados charmosos refletem uma incrível sincronia para o cômodo escolhido.

6. Cores quadráticas (uso do quadrado)

Se os lados da sua figura geométrica completarem 90 graus entre si em cima do círculo, você tem em mãos quatro cores harmônicas. Com um espaço de 3 tons entre cada ponto do quadrado, a paleta de cores traz dois pares de cores complementares que traduzem em dobro a vivacidade de apenas um par.

7. Tom sobre Tom

Por último, mas não menos importante, existe sempre a possibilidade de investir em apenas uma única cor. Nesse caso, o ideal é combinar tonalidades e texturas diferentes para tornar o ambiente mais aconchegante e realçar a decoração.

Você pode escolher a sua cor favorita e criar espaços monocromáticos que são a sua cara, assim é mais difícil enjoar ou não gostar do resultado.

São tantas combinações e ideias diferentes que é quase impossível errar usando o círculo cromático. Se você não quer se arriscar em uma reforma total, pode começar com detalhes na decoração, testando paletas de cores com itens mais simples que, ainda sim, são capazes de impactar o ambiente.

Outra opção é trabalhar com cores neutras, como o branco, o preto, o cinza e o bege, que são muito mais fáceis de combinar e dão espaço para as outras tonalidades brilharem.

Aproveite e confira também outras dicas de como inserir as cores na decoração da sua casa:

Shoptime

Dicas do Shoptime para o seu dia a dia. Tudo para deixar a sua vida mais fácil, confortável e prática. Conheça ainda mais os produtos que você pode ter na sua casa, aprenda novas receitas, confira as novidades tecnológicas e dicas sobre casa, cozinha e beleza. O Diário de Casa conta tudo pra você.

Você pode gostar

6-aplicativos-de-organização

6 aplicativos de organização indicados pela apresentadora do Shoptime

comprar-a-cortina-ideal-para-sala.j

Aprenda em 4 passos como comprar a cortina ideal para sala

como escolher cadeira gamer

Aprenda como escolher a sua cadeira gamer

como escolher edredom

Como escolher edredom pelo tecido