celular-bom-e-barato

Como escolher um celular bom e barato

A quantidade de opções de celulares disponíveis na hora de comprar um novo modelo pode gerar muitas dúvidas. Quais especificações levar em conta e o que cada pessoa acha mais relevante são pontos importantes na hora da decisão. Apesar de existirem aparelhos muito modernos e cada vez mais evoluídos, boa parte da população ainda procura algo mais em conta. Assim, a pergunta acaba sendo a mesma:

Como escolher um celular bom e barato?

moto G8Lg K22celular samsung galaxy a10
Motorola, LG e Samsung têm celulares bons e baratos

Uma possibilidade é procurar algum celular em promoção, especialmente perto do período da Black Friday. No Shoptime você já encontra ofertas antecipadas, descontos e muito cashback para fazer o aquecimento da sexta-feira mais aguardada do ano. Mas como nem sempre é possível esperar esse período, é importante saber os principais atributos na hora de escolher um celular bom e barato.

O Diário de Casa traz uma lista com os principais aspectos que devem ser analisados e como eles costumam ser apresentados nesses celulares de preço mais baixo.

Armazenamento interno

Esse parâmetro é importante pois impacta diretamente na quantidade de coisas que você pode ter ou guardar no seu celular: fotos, vídeos, documentos, músicas e aplicativos, por exemplo. Fora isso, uma parte dele também é usado pelo sistema operacional – que as vezes acaba ocupando um bom espaço. Nos aparelhos mais básicos o mais comum é armazenamento interno com 32 GB ou 64 GB.

É possível achar aparelhos que tenham até 128 GB, mas são bem raros nessa faixa de preço inicial. Você pode optar também por ter um cartão externo de armazenamento, ou seja, você compra mais espaço e insere o cartão diretamente no celular. Fato é que um modelo que tenha 64 GB de memória atende a maioria dos casos.

Memória RAM

É muito comum ficar usando o celular com vários aplicativos abertos ao mesmo tempo, mesmo que estejam em segundo plano. E se você não gosta de ver o aparelho travando, precisa considerar a memória RAM, pois ela é a responsável pela leitura de dados, então quanto maior, melhor. Mas na hora de escolher um celular bom e barato, as opções não são tantas assim.

As mais comuns são memórias de 2 GB, 3 GB e 4 GB. As de dois não entregam um desempenho tão satisfatório, servindo apenas para quem faz coisas básicas no celular, como mandar mensagens e usar aplicativos mais simples. Para quem costuma jogar, assistir filmes, séries e usar para outras tarefas, opte por um aparelho com pelo menos 4 GB.

Bateria

Esse costuma ser um dos aspectos mais importantes para todos os usuários. Uma bateria com boa durabilidade é o sonho de consumo da maior parte do público e na hora de escolher um celular bom e barato não vai ser diferente. Claro que a duração também muda de acordo com a quantidade de tempo de uso, número de aplicativos abertos e outras variáveis. Nos aparelhos de entrada, o normal é ver capacidades entre 3000 e 5000 mAh.

Como de praxe, quanto maior a capacidade mais tempo o celular pode ficar ligado e em uso sem a necessidade de um novo carregamento. Há formas também de preservar a bateria a longo prazo, evitando rápido descarregamento, como não deixar o celular exposto a temperaturas extremas (muito frio ou quente), não esperar a bateria quase acabar para recarregar novamente, fechar aplicativos funcionando em segundo plano entre muitas outras coisas.

Câmera frontal

Todo mundo gosta de fazer uma selfie, né? Ou, como está na moda, imitar uma coreografia no Tik Tok, certo? Para isso, na hora de escolher um celular bom e barato é importante observar a qualidade da câmera frontal. O padrão na maioria dos celulares mais baratos são câmeras com 8MP, embora alguns apresentem mais qualidade, com 13MP, e outros com menos (5MP e até 3MP).

Se você gosta de tirar muitas fotos e tem expectativa que elas fiquem com uma mínima qualidade, busque os modelos com a maior quantidade de MP possível. Como exemplo, há celulares mais caros que possuem câmeras frontais com 32MP, 48MP, câmera dupla e outros benefícios que acabam encarecendo os aparelhos.

Câmera traseira

Aqui a lógica é a mesma. Para os usuários amantes da fotografia ou que curtem fazer registros de situações do dia a dia, viagens, encontros com amigos e família, a qualidade das câmeras traseiras é fundamental. Hoje mesmo os produtos de entrada possuem opções interessantes, alguns com câmera dupla ou tripla.

Então na hora de escolher um celular bom e barato, você também deve observar a quantidade de MP de cada câmera. O mais normal vai ser achar câmeras com 13MP, 8MP e 5MP, algumas delas combinadas, quando o modelo tiver mais de uma câmera.

Certamente são ótimas opções que valorizam esses smartphones. Os modelos de entrada costumam ficar na faixa de mil reais, variando um pouco para mais ou para menos, dependendo se o celular está em promoção ou não.

Agora que você já sabe quais atributos analisar na hora de escolher um celular bom e barato, pode encontrar o que procura no Shoptime.

Shoptime

Dicas do Shoptime para o seu dia a dia. Tudo para deixar a sua vida mais fácil, confortável e prática. Conheça ainda mais os produtos que você pode ter na sua casa, aprenda novas receitas, confira as novidades tecnológicas e dicas sobre casa, cozinha e beleza. O Diário de Casa conta tudo pra você.

Você pode gostar

como-fazer-a-bateria-do-celular-durar-mais

6 dicas sobre como fazer a bateria do celular durar mais

smart tv

Conheça as vantagens de se ter uma Smart TV em casa

notebooks-para-home-office

Os 5 melhores notebooks para home office

fone-de-ouvido-bluetooth

5 vantagens de comprar um fone de ouvido Bluetooth